Exu, fronteiras e encruzilhadas

Fotografia e reprodução de conversa estabelecida via WhatsApp entre os integrantes do Ilê Axé Ogunjá.

O trabalho foi realizado para publicação na edição número 6 do Jornal de Borda.

exu_teste1.jpg

EXU. Fronteiras. Encruzilhadas. Irmãs, irmãos, vcs poderiam me ajudar com um trabalho? Como cada um de vocês entende a frase atribuída a EXU: “Matou um pássaro ontem com a pedra que só atirou hoje” ? Não tem certo ou errado, o importante é  justamente ver as diferentes formas de perceber a frase, e acho que o legal é ir pensando junto e ver como um sentido vai acionando o outro. (Nantoroyá) “Nantô, se não estou enganado, na verdade é “a pedra que lançará amanhã”. (Obawajô) “Bem, temos que dar valor em nossa vida. As vezes reclamamos demais ... Outro ponto de vista é:  as vezes temos um problema para resolver e ele é tão simples e o tornamos um bicho de sete cabeças. Aproveite o que tem na mão para não chorar quando perder.  (Emilene) Nan pra mim  ... dá o sentido que pra Exu não tem início, meio ou fim, o que determina é o desejo dele. Que seu desejo é sua realização. A gente não realiza se não quiser. (Obabiwa) Eu li um livro que um menino perguntou a um sábio. Eu tenho um pássaro na mão. Já que o senhor é sábio me fala se ele está vivo ou morto? O sábio respondeu: se eu falar que está vivo, você vai esmagá-lo e se eu falar que está morto, você irá soltá-lo. Então a resposta está na sua mão. (Emilene) Para mim é que Exu e suas ações são infinitas, capaz de mudar até o que para nós é passado. (Yaomintayo) “Coisas que não entendemos hoje, farão sentido amanhã. Exu age em nossas vida mesmo que não façamos ideia do que nos espera. Dá pra fazer um paralelo com o “Deus escreve certo por linhas tortas. Exu faz dar certo o presente com escolhas que serão feitas só no futuro. Para Exu, o tempo não é linear, não é cronológico. As escolhas que tomaremos no futuro, nos fazem entender os caminhos que seguimos no passado. Para Exu nem sempre as escolhas de hoje vão determinar as consequências do futuro, mas sim do futuro que ele tem reservado para nós. Nos influencia a tomar decisões hoje para que o futuro aconteça como ele quer que seja. (Obawajô) No meu modo de ver, não sei se entendi. É a resposta do nosso problema quando se torna passado. Solução que ontem você não conseguia resolver. Exu protege o seu futuro. É o meu modo de ver o futuro e o presente. Quantas vezes a gente não acha a solução de um problema do passado hoje. Daí a gente joga uma pedra e mata o passado. (Oyamanbê) Eu acho que é bem isso mesmo. Quantas vezes só nos damos conta de que as coisas do passado foram determinantes para termos nosso presente. (Obawajô)  Vcs falam tão bonito. Eu não sei falar bonito assim. (Oyalabô) Oyalabô, seu conhecimento e experiência no axé é muito grande. Aliás, de religião, você tem muito mais tempo que eu e todos do ilê. É normal ter dificuldade em formular o pensamento e por em ordem as ideias, eu sou muito assim tb.  (Ogum Ipemi) Irmã, eu acredito que seja essa questão de resolver assuntos do passado com atitudes do futuro / presente. (Grazi) * Reprodução de conversa estabelecida, via what’s App, no dia 18 de outubro de 2018, entre os integrantes do grupo Ilê Axé Ogunjá.

IMG_9189.jpg
IMG_9215.jpg
08.jpg